Cel/Whats: (66) 9 9687-7993 | (66) 9 9619-3966

E-mail: redacao@mtnews.jor.br | facebook.com/mtnews



MM sobre repasses: Qualquer mudança para majorar, só vai piorar

21/12/2018

Governador eleito diz que se atender a pedidos feitos pelos Poderes, irá piorar o déficit do Estado

O governador eleito Mauro Mendes (DEM) voltou a negar a possibilidade de elevar o orçamento dos Poderes. Em conversa com a imprensa, nesta semana, afirmou que se o Governo aumentar os valores dos repasses, a situação de déficit projetada para 2019 irá se agravar.

O pedido de aumento foi feito pelo Ministério Público, Tribunal de Justiça e Tribunal de Contas. O objetivo era de, ao menos, 10% a mais do que o previsto inicialmente. “Vamos ter, desde o início, que tomar medidas para diminuir o déficit. Qualquer mudança que seja para majorar, só vai piorar esse cenário, só vai piorar ainda mais a situação. Eu já comecei a tomar medidas, estou cortando na carne e no osso”, disse o democrata.

Mendes voltou a dizer que a projeção para 2019, contida na lei Orçamentária Anual (LOA), é de déficit de R$ 1,5 bilhão. A receita será de R$ 19,6 bilhões. Segundo ele, se não for feito ajustes na máquina, a situação irá se agravar ainda no próximo ano. “O orçamento será encaminhado em bases reais de receita e despesa. Esse orçamento, por ser verdadeiro, estabelece um déficit de R$ 1,5 bilhão. Se arrecadarmos e gastarmos tudo o que está previsto, vai ficar R$ 1,5 bilhão sem pagar. Porque se não tem financeiro, não acontece o pagamento”, afirmou.

“Então, é uma duríssima realidade que acontece em 2018 e aconteceu em 2017 e também em 2016. E o orçamento de 2019 capturou essa realidade e já se transforma em uma peça que pode mostrar o tamanho do problema”, completou.

Grupo de notícia Estado



Video publicitário

VIDEOS

Clima | Tempo

Jornal Impresso